É preciso conhecer quem você está seguindo.

Irmãos e amigo,
Que a paz esteja convosco. 


Eu gostaria de meditar em um texto da Palavra de Deus que se encontra no Evangelho segundo Marcos 4.40-41: "Então perguntou aos seus discípulos: 'Por que vocês estão com tanto medo? Ainda não têm fé?' Eles estavam apavorados e perguntavam uns aos outros: 'Quem é este que até o vento e o mar lhes obedecem'".


Esta história ilustra como Deus está no controle de nossas vidas. Até mesmo quando as situações estão desesperadoras ou parece não haver mais uma solução. 

Nesta situação tensa e amedrontadoras, podemos encontrar pescadores e navegadores experientes, que em cujas mentes só se passava um pensamento: salvar suas vidas. Estes homens estavam descontrolados e preocupados com o risco de perecer em meio a tempestade. 

O texto da Palavra do Senhor no mesmo capítulo, a partir do versículo 35, aponta que estes homens eram discípulos de Jesus. Ou seja, eles seguiam Jesus, aprendiam com Jesus, mas fatalmente não conheciam a Jesus. 

Enquanto as ondas castigavam o barco e todos estavam desesperados, Jesus encontrava-se dormindo na popa do barco. Quando os discípulos se dirigiram até Ele, questionaram a Jesus: "Mestre, não te importas que morramos?". _(Marcos 4.38). Aqueles homens seguiam Jesus, andavam com Jesus, comiam com Jesus, aprendiam com Jesus; mas eles ainda não tinham o conhecimento de quem era Jesus. 

Apenas aqueles que tem autoridade conseguem descansar enquanto o "circo está pegando fogo". Apenas aqueles que possuem intimidade com Deus consegue descansar em paz, na certeza de que nos momentos de adversidade, apenas uma Palavra resolverá o problema tão assustador. 

Jesus tinha poder e autoridade: "É me dado todo o poder, nos céus e na terra"_(Mateus 28.18b). É possível andar com Jesus sem nos darmos conta disto? Sim! Aqueles discípulos não faziam ideia de a pessoa que repousava na proa era de fato o Filho de Deus, pois se assim o soubessem jamais questionariam a Jesus achando que Ele não se importaria com a eventual morte dos discípulos. Em Jeremias 29.11 está escrito: "Porque eu bem sei os pensamentos que tenho a vosso respeito, diz o Senhor; pensamentos de paz e não de mal, para vos dar o fim que esperais".

Em muitas circunstâncias do dia-a-dia, agimos como os discípulos! Estamos seguindo o Senhor, estamos dentro das igrejas, estamos atuantes; mas vem a tempestade e nos esquecemos de tudo o que pregamos e acreditamos que o Senhor está de braços cruzados, contemplando a nossa destruição, como se fosse um louco sádico. Acreditamos que Deus coloca sob nós, provações terríveis para nos punir ou nos aproximar dEle. Se pensamos desta forma, isto significa que estamos andando com Cristo, mas na verdade não o conhecemos em sua essência. 

1 João 4.8 diz que "Deus é amor" e sempre nos proporciona o melhor, claro, desde que estejamos submissos à Sua Santa, Perfeita e Agradável vontade. 

Jesus se levantou e ordenou que o vento se acalmasse, e imediatamente a bonança se fez. Isto nos mostra, que quando usamos da autoridade contida na nossa língua, debaixo da vontade e da cobertura espiritual de Deus, declarando-a em nome de Jesus; o Senhor cumprirá aquilo que foi dito. 

Entretanto, mais uma vez os discípulos demonstraram não ter conhecimento sobre a pessoa de Jesus, ao apavorados questionarem: "Quem é este que até o vento e o mar lhe obedecem?". Como assim quem é este, meus irmãos? Como pode uma pessoa andar na companhia de outra e não saber quem é ela é e o que ela pode fazer? Mas muitos andam com Jesus desta forma... às cegas! Por isso, nada acontece na vida delas; por isso elas não mudam e vivem sempre frustadas.

Jesus estava querendo ensinar três lições importantes neste episódio: Primeiramente que Ele está atento a cada situação de nossas vidas e por isso Ele sempre terá um plano para nos resgatar a tempo, antes mesmo da tribulação sequer nos afetar; em segundo lugar, Ele atenderá o nosso pedido de ajuda, intervirá ao nosso favor; e em terceiro e último lugar, nos fará vencer.

Mas é preciso conhecer Jesus. Conhecer o Senhor na sua essência. É preciso saber quem Ele é em nossas vidas e o que Ele já fez por nós. É preciso reconhecer sua Santidade, sua autoridade e o seu poder. É preciso conhecer quem você está seguindo.

"Conheçamos e prossigamos em conhecer a Deus". _(Oseias 6.3).

Tenha uma ótima semana, em nome de Jesus!

Abraços fraternais, 
Prof. Fábio Luiz.

Fique por dentro