O reino do Senhor chegou




Que a graça do nosso Senhor Jesus Cristo esteja com todos vocês.

Meus amados irmãos, semana passada damos início a primeira parte do nosso estudo. E hoje vamos dar continuidade sobre João o Batista.

Naquele tempo João Batista foi para o deserto da Judeia e começou a pregar, dizendo: — Arrependam-se dos seus pecados porque o Reino do Céu está perto!
Mt 3:1‭-‬2 .‬‬‬‬‬‬‬

Assim como Jesus Cristo a Bíblia também não relata a infância e adolescência de João Batista, alguns estudiosos relatam que ele começou seu ministério mais ou menos como  30 anos.  Ele foi para o deserto  da Judeia para ministrar a palavra do Senhor de salvação para todas as pessoas. Ele se vestia om roupas feitas de pêlo de camelo com um cinto de couro. A sua alimentação era um pouco! Ele se alimentava de gafanhotos e mel silvestre.

Eram cortadas as cabeças e pernas desses insetos, que depois de secados ao sol era salgado e servido com uma espécie de "manteiga" (naturalmente não é a manteiga que usamos hoje), mas era uma espécie de gordura vinda do leite). Hoje temos o conhecimento, pelo dizer dos nutricionistas que este alimento é muito rico em proteínas, cerca de 75% são proteínas. Não sabemos se o sabor era apetitoso, mas o sustento do organismo humano como alimento era muito grande ao comer gafanhotos.

Poder-se-ia falar do mel silvestre, mas escapa a resposta, deixamos para outra oportunidade.

Ele vivia sozinho pelo o deserto pregando a palavra de Deus para todas as pessoas e batizava as pessoas.  João Batista não era como os líderes judeus daquela época, alguns líderes judeus gostavam de ser visto pelas pessoas ser admirados por todos. Eles gostavam dos lugares de honra, mas, João o Batista ela é diferente! Ele foi escolhido por Deus desde, do ventre da sua mãe.

Nasceu como um chamado muito especial de mostrar o caminho de Deus para as pessoas, ele falava com clareza para as pessoas o que era pecado. Ele não massageava o ego de ninguém sempre falava a verdade sobre o pecado! Sabe meus queridos irmãos, porque João o Batista vivia dessa maneira simples ? Porque ele sabia único que merece honra e glória é Jesus Cristo! Hoje em dia vemos por aí muitos que se dizem ser “ ministros de Deus” querendo glória para si próprio. Fazendo da casa de Deus um negócio lucrativo!

Pregando o evangelho por uma quantia determinada em dinheiro, Jesus disse: daí de graça o quê recebei de graça.

Curem os leprosos e outros doentes, ressuscitem os mortos e expulsem os demônios. Vocês receberam sem pagar; portanto, deem sem cobrar.
Mt 10:8.

Mas, tem aqueles casos especiais que precisam de um oferta para continuar o ministério. Aqueles que possui casas de recuperações de dependentes químicos, aqueles que têm casas de idosos entre outras   organizações, nós temos obrigação de ajuda para as pessoas.

João Batista, ele sabia que nasceu um chamado de preparar o caminho para o Messias, e também para mostrar às pessoas o caminho para chegar o reino de Deus. Alguns estudiosos dizem que João Batista viveu um pouco mais de 30 anos de idade. Acredito que ele faria tudo outra vez tudo de novo!

Eu tenho aprendido na minha caminhada com Deus que o verdadeiro sentido do Evangelho de Cristo é muitas vezes, nega a nossas vontades e fazer a vontade do pai. Assim como João Batista, negou a si próprio em não ter uma família para viver a vontade de Deus. Muitos dizem que João foi o único profeta que não fez milagres, mas, ele fez o maior milagre de todos mostrar para as pessoas o caminho da salvação!

Ele deu início a Igreja de Cristo, foi o precursor da grande obra de Deus. A minha oração para a nossa nação chamada Brasil, que Deus levante nessa geração homens, mulheres e jovens como João Batista que não se vende a esse sistema e não corrompe um pecado. Que não aceitam os pratos do inimigo, mas levante a bandeira da santidade! É hora de Deus levantar os valentes e dizer não ao pecado…

Essa foi a segunda parte do nosso estudo, estaremos esperando vocês na próxima semana 
para dar continuidade.

Que Deus te abençoe muitíssimo e derrame sobre ti uma chuva de graça.

Aceito o teu chamado -Bruna Karla

Fique por dentro