quarta-feira, 30 de novembro de 2016

Projeto de Vida 2016 #ProjetandoDezembro #Arrependimento

Queridos irmãos,
Que a Paz esteja convosco!

Chegamos ao último mês do ano de 2016. O mês de refletir sobre o que foi feito ou deveria ter sido feito durante o ano. O mês de traçar metas e diretrizes para o novo ano que se iniciará. Te convido a acessar, no próximo domingo (04), a Guia Profética do Projeto de Vida 2017, onde você conhecerá o próximo personagem bíblico que iremos trabalhar e as diretrizes que o Senhor ensinará para a sua vida. Todas as quartas-feiras do mês de Dezembro, a irmã Elisama Figueiredo ministrará na coluna "Palavra Doutrinária" um estudo que servirá de guia, alinhamento e ajuste de sua vida para receber 2017. Ainda terá muito mais por vir.

O Senhor tem uma direção para nossas vidas neste mês de Dezembro, e eu gostaria de meditar com você no texto bíblico de Esdras 10.1: "E orando Esdras, assim, e fazendo esta confissão, e chorando, e prostrando-se diante da Casa de Deus, ajuntou-se a ele de Israel uma mui grande congregação de homens e mulheres e de crianças, porque o povo chorava com grande choro".


Na mensagem anterior, em Novembro, o Senhor revelou através de Sua Palavra, que Sacerdotes e Levitas não estavam em conformidade com a Palavra de Deus uma vez em que eles se casaram com mulheres estrangeiras. 

Quando Deus estabeleceu, na Lei de Moisés, a proibição do casamento com estrangeiros, a única intensão do Senhor era evitar de trazer sobre este povo o jugo desigual. A Palavra de Deus sempre foi suficientemente clara em mencionar que o Povo de Deus, a nação de Israel era separada, era propriedade exclusiva de Deus. Foi um povo escolhido a partir de uma aliança feita entre Deus e Abraão, em que estes viveriam exclusivamente para Deus, dirigidos por Deus e desfrutando da Terra Prometida. 

Os povos vizinhos da Israel eram povos cruéis e sanguinários, dados à prostituição, à fornicação, à feitiçaria; e principalmente à idolatria. Um povo puro, santo e separado não pode jamais se misturar com tais práticas.  

O fato de sacerdotes e levitas se casarem com estas estrangeiras, trouxe a contaminação à uma linhagem que é pura e que agora se misturou à uma linhagem pagã. A Bíblia chega a mencionar no final do capítulo 10 que estas mulheres geraram até filhos. Isto, certamente aborreceu ao Senhor, uma vez em que todo o ministério de Esdras estava focado na reconstrução e restauração desta aliança que garantia a pureza e soberania de toda a nação.

Tal como aqueles israelitas, nós, Filhos e Servos do Deus Altíssimo, muitas vezes nos deixamos contaminar por pessoas, situações e práticas que não condizem à Palavra e à vontade de Deus para nossas vidas. Isto nos faz desviarmos do propósito original.

Mas o que temos de fazer então para solucionar este problema e restabelecermos uma aliança com Deus? O primeiro passo aprendemos em Novembro, que foi a confissão de pecado. O segundo passo é o arrependimento.

Arrependimento não é apenas uma tristeza, um pesar pelo erro que foi cometido. Arrependimento significa voltar atrás, consertar o erro e se apartar do que é mau. Quando a nação de Israel entendeu este princípio, eles se reuniram, prantearam, jejuaram e se apartaram destas mulheres e seus filhos contaminados. Arrependimento implica se libertar das situações que desagradam a Deus e que trazem contaminação. 

Você tem esta oportunidade neste dia. Arrependa-se de seus maus caminhos para que a sua vida possa ser alinhada com a vontade de Deus e para que você viva TODAS as promessas do Altíssimo para a sua vida. Volte atrás, desfaça os erros! Saia fora de toda e qualquer situação que possa te trazer confusão, contaminação e sofrimento. Se afaste de pessoas que não agreguem valores espirituais à sua vida. Clame ao Senhor e busque todos os dias o arrependimento sincero e genuíno. 

Todas as quartas-feiras de Dezembro, a irmã Elisama, mensageira do Senhor, irá trazer uma Palavra, um Estudo direcionado para que você possa alinhar a sua vida com o Projeto de Vida que Deus tem para você em 2017. Que tal fazer um jejum de consagração e arrependimento nestes dias? Que tal enviar a nós seus pedidos de oração e seus projetos para 2017? Envie pelo e-mail presidencia@frutosdejustica.com

2016 está chegando ao fim, mas os princípios que aprendemos com a vida de Esdras neste ano, não precisam terminar aqui. Aliás, não devem terminar aqui. Precisamos praticá-los diariamente em nossas vidas, até o dia do Triunfal encontro com o Noivo, para que pelo tempo em que vivermos aqui, nós possamos exercer de fato um Sacerdócio por Excelência tal como nosso irmão Esdras.

Que Deus te abençoe, 
Um feliz Dezembro.
Nos vemos em 2017!

O Fogo, a Água e a Oportunidade

Os três se encontraram, a oportunidade perguntou: -De onde vocês são?  E o fogo respondeu: -Eu estou nas guerras, nos vulcões,  ...