domingo, 8 de novembro de 2015

Não se contamine com os povos vizinhos

"Façam todo o esforço para obedecer e cumprir tudo o que está escrito no Livro da Lei de Moisés, sem se desviar, nem para a direita nem para a esquerda. Não se associem com essas nações que restam no meio de vocês. Não invoquem os nomes dos seus deuses nem jurem por eles. Não lhes prestem culto nem se inclinem perante eles”. Josué 23.6-7.


Em sua peregrinação para a Terra Prometida Israel teve que enfrentar muitos povos inimigos. Alguns eles venceram de imediato, como por exemplo, Ogue. O território de posse dos hebreus era muito extenso e com muitas fronteiras. Era uma terra farta e que possuía não poucos, mas muitos moradores! Pela sua abundancia e fartura, muitos povos ambicionaram aquela terra e quando os hebreus dela tomaram posse tiveram que conviver com povos que de imediato não foram derrotados como, por exemplo, os cananeus e os jebuzeus.

De imediato, aquelas nações circunvizinhas não tinham sido derrotadas, entretanto era promessa de Deus que o Senhor os colocaria nas mãos dos hebreus. Neste contexto o Senhor traz um alerta ao povo, de que eles habitariam em meio a povos pagãos, mas que eles tomassem cuidado para não se contaminarem com estes povos, se inclinando em suas práticas e adorando os seus deuses.

Infelizmente, vocês podem observar no livro de Juízes que a futura geração de Israel não deu ouvidos à voz do Senhor e por esta razão eles foram oprimidos por estes mesmos povos vizinhos até que viesse o arrependimento e Deus levantasse um Juiz para libertá-los. Mesmo Deus alertando, mesmo Josué e as lideranças dos hebreus conscientizando-os de sempre temerem ao Senhor, aquele povo caia.

Ao ler estes versículos eu meditava sobre a possível razão de Deus não permitir que estes povos fossem consumidos de imediato, pelo contrario fez com que Israel vivesse entre eles. A resposta veio logo no final do livro de Josué e começo do livro de Juízes: Deus estava usando estes povos para testar a fidelidade dos israelitas.

E para nós? Em que se aplica esta Palavra? Muitos simples!

Deus não vai afastar de próximo de você os ímpios! Estes seus vizinhos que zombam de você, o pessoal da empresa que escarnece das coisas santas, os familiares idolatras de quem tanto queremos fugir... Todos eles, um por um, serão mantidos próximos de você! As vezes meditamos sobre familiares nossos que adoram a outros deuses e de quem muitas vezes queremos nos afastar, mas este não é o propósito de Deus!

Deus não tirou de imediato os pagãos, os idólatras, os adoradores de Baal de perto dos israelitas. O objetivo de Deus além de testar a fidelidade daquele povo para com Ele, era fazer com que a nação de Israel influenciasse aquele povo com o exemplo, com seu testemunho prático de vida! Futuramente, como o próprio Deus prometeu, Ele os entregaria um a um nas mãos de Israel.

Deus esperava que a Sua nação fizesse a diferença no meio dos ímpios e ao contrario disto o que eles fizeram? Corromperam-se! Adoraram a Baal junto com os pagãos, como se Deus nunca tivesse feito nada na história deles. Você consegue me entender aonde eu quero chegar?

Existe ao nosso redor uma nação de ímpios, uma nação de pecadores, que zombam e escarnecem dos princípios éticos, morais e inclusive do próprio Deus. Mas não adiante pedir para Deus afastá-los de você, pois o que Deus espera é que você os influencie com o seu testemunho. O desejo de Deus é que você faça a diferença no meio deles.

O mundo hoje nos oferece muitas coisas que se colocam acima de Deus, coisas que nos prostituem física, moral e espiritualmente. Muitas coisas, hoje, assim como no passado tentam roubar a Glória do Senhor e o alerta que Deus quer trazer a você através desta mensagem é: cuidado! Faça a diferença onde você estiver! Não se corrompa e não ceda às práticas deste mundo.

Está cheio de cristãos assistindo filmes que estimulam a opressão maligna em nossas casas! Está cheio de cristãos nas rodas de escarnecedores contando piadas ou rindo das piadas sujas que os ímpios contam. Está cheio de cristãos em estádios de futebol xingando e pronunciando palavrões juntos da torcida. Está cheio de cristãos que compram produtos piratas e que não pagam impostos. O Senhor alerta: cuidado, pois se você aceitar e curvar-se diante das práticas do mal você ficará escravo delas!

Lembre-se: não se contamine com os povos vizinhos! Faça a diferença no meio deles, pois esta é a vontade de Deus! Pense nisto!

Ótima semana. 

O Fogo, a Água e a Oportunidade

Os três se encontraram, a oportunidade perguntou: -De onde vocês são?  E o fogo respondeu: -Eu estou nas guerras, nos vulcões,  ...