sábado, 7 de novembro de 2015

A batalha dos deuses (2° parte)


Graça e paz princesas, 


"Depois o SENHOR disse a Moisés: Vá ao faraó e diga-lhe: Assim diz o SENHOR: Deixe o meu povo ir para me oferecer culto. Se você não deixar, vou encher todos os seus territórios de rãs. O rio transbordará delas. Elas subirão do rio, avançarão pela terra e entrarão na sua casa. Nem nos quartos de dormir vocês terão descanso, pois as rãs entrarão neles e subirão nas camas. Isso também ocorrerá nas casas dos seus oficiais, e avançarão sobre o povo. Entrarão nos seus fornos e nas bacias de amassar pão"(Êxodo 8.1-3) 




Estaremos hoje dando início a segunda parte do nosso estudo sobre a segunda praga do Egito.  Pela segunda vez, Moisés vai até pedi para faraó deixar o povo de Israel e até o deserto cultuar a Deus. 




Moisés fala sobre a segunda praga que seria as rãs.  Os egípcios tinham uma deusa chamada Heket. Essa deusa representava para os egípcios como uma deusa que dava vida a todos seres humanos e também usava a deusa da ressurreição.



A deusa Heket tinha um corpo de uma mulher com a cabeça de uma rã, todas às vezes, que uma mulher egípcia se encontravam em trabalho de parto, usava um  amuleto para dar sorte na hora do parto. 




E quando Deus mandar segunda praga para o Egito, os egípcios não podiam f matar por duas razões Esses animais, a primeira razão porque elas simbolizavam a deusa Heket e a segunda razão ela é porque eram muitos milhares de rãs. 

Heqet (Heqat, Heket) era uma deusa do parto e fertilidade em Egito Antigo. Ela foi descrita como um sapo, ou uma mulher com a cabeça de um sapo. O significado de seu nome não é certo, mas possivelmente derivado da palavra "hera" que significa "governante" ou "cetro". Frogs simbolizava fertilidade e vida nova, e pensa-se que as suas sacerdotisas eram parteiras treinadas.
De acordo com uma tradição, ela era a esposa deKhnum, o deus criador de Abu (Elefantina). Ele criou cada pessoa na roda de oleiro sua, e ela deu vida a eles antes que eles foram colocados no útero de sua mãe.Heqet e Khnum são retratados em de Hatshepsut colunata nascimento em seu templo da morgue em Deir el Bahri. Heqet detém um Ankh (simbolizando a vida) para o recém-nascido Hatshepsut e seu ka. De acordo com outra tradição, Ela era a esposa de Heh e foi ele quem trabalhada cada pessoa antes que ela trouxe vida a eles. Finalmente, ela foi por vezes considerada a esposa de Horus a pessoa idosa, embora, como uma forma de Hathor ela também era sua mãe.
As mulheres grávidas usavam amuletos que descrevem Heqet para a proteção, e durante os Império facas de marfim ritual e badalos inscritos com o nome dela foram usadas para afastar o mal durante o parto. Ela também poderia trazer sobre o trabalho e oferecer proteção durante o trabalho. Heqet assistida desta forma na libertação dos três reis quinta dinastia, de acordo com um mito registrado no papiro Westcar na história do nascimento dos três faraós que aparece no final do conto de "Khufu e os Magos".
Ela também estava envolvida na ressurreição dos mortos. Nos textos de pirâmide ela auxilia o faraó como ele faz o seu caminho para o céu e estrelas eternas é retratado abaixo da beir. funeral do falecido Osiris em Dendera. Houve um Ptolemaictemplo para Heqet em Qus, mas apenas um pilão permanece. Há também uma referência a um templo em Her-wer em um túmulo no Tuna el-Gebel, mas até agora este templo não foi encontrado.
Nasce o centro de culto de Khnum em Antinoópolis

Neste centro o deus criava os homens, tinha como esposa a deusa Heqet, divindade representada por uma rã. Estes dois deuses se ligavam com o nascimento das pessoas, sendo que o casal de deidade assistia aos partos dos seres humanos.
A aparência de Heqet a uma rã, ligava ela com a água. Além da deusa da água ela era a deusa da fertilidade. As sacerdotisas da deusa Heqet, eram treinadas como parteiras. Essa divindade também estava associada à germinação.




Com a derrota da deusa Heket, Deus queria mostrar que ele é o único Deus que dá vida e tira à vida os seres humanos.  E quando Deus cria uma pessoa ele cria com um propósito!




 Então o SENHOR Deus formou o corpo humano do pó da terra e soprou em suas narinas o fôlego da vida, e ele tornou-se um ser vivo. 
(Gênesis, 2.7) 




 O SENHOR tira a vida, e a dá. Ele faz descer à sepultura e dela faz retornar. 
(1 Samuel, 2.6) 




Deus mostrou que as rãs era apenas Mais Uma De suas criações e não apenas um deus. Sua vida está nas mãos daquele que é EU SOU! 
Tenha uma semana de Vitória para você e sua família... 
eu espero você para o próximo estudo. 
Beijos.







 Thalles - Deus da Minha Vida









Não desista

Elisama Figueiredo