Saindo detrás das bagagens

Pelo que tornaram a perguntar ao Senhor: Não veio o homem ainda para cá? E respondeu o Senhor: Eis que se escondeu por entre a bagagem”. 1 Samuel 10.22

Já ouvi muitas ministrações sobre Saul, mas uma marcou para sempre minha vida. Em 1 Samuel 10, Deus escolhe Saul para ser o rei de Israel, depois de tanta procura Saul chama a atenção de Deus, Ele acha graça em Saul, dá ordem a Samuel para ungi-lo como rei. Pelo capítulo 10 mesmo, vemos que Saul era um homem bom, integro, e que teve medo, pois no versículo 22 ele se esconde atrás de suas bagagens. Não é bom sentir medo, mas isso nos mostra que Saul temia a Deus.

 No ano de 2011 estive no CTMQ (Centro de treinamento missionário), e a primeira mensagem que ouvi foi essa: Para não nos escondermos atrás das nossas bagagens. Eu vivia escondida atrás de minhas bagagens, minha família, orgulho, medo e tantas outras bagagens que insistia em levar comigo por onde quer eu andasse. Aquele dia decidi me livrar de todas as bagagens, Deus me colocou em pé como fez com Saul e agora a Luciana era uma menina cheia de vida, que tinha sonhos, que tinha planos, que queria viver e fazer a vontade de Deus. Descobriu que o que a fazia mais feliz era viver pra Deus, fazer sua obra. Como aconteceu com Saul, assim foi com ela; muitos a desprezavam, não davam valor, mas ela aprendeu a se calar e guardou muitas coisas para ela.

Te encorajo a sair detrás das suas bagagens; eu mesma estou me desfazendo de algumas que trouxe pelo caminho percorrido até aqui. Umas foram dadas, outras eu adquiri. E chega uma hora que mais uma vez você precisa abrir as malas e ver o que realmente serve.

Pensando em tudo isso, cheguei à conclusão que fora essa ministração, só ouvi ministrações que falavam negativamente de Saul. E o que aconteceu com Saul, pode acontecer comigo, pode acontecer com você. Saul deixou a vaidade e o Orgulho tomarem conta de seu coração, e o que vemos é uma sucessão de erros que o levaram a morte e a escolha de um novo rei. No capítulo 15 de 1 Samuel vemos onde está a sucessão de erros: primeiro Saul desobedece a Deus (1 Samuel 15.5-11); depois ergue um altar em sua própria honra (1 Samuel 15.11); depois vem a história que nós já conhecemos, a escolha do novo rei (que era Davi), a vitória deste contra o gigante Golias e a continuação da sucessão de erros que Saul cometeu até sua morte.

Temos que sair sim detrás das nossas bagagens, mas nunca nos esquecer de onde Deus nos tirou, para que o orgulho e a vaidade não tomem conta de nosso coração, nos levando a ruína.

Que a paz do nosso Senhor Jesus Cristo esteja sempre com vocês.


Luciana Oliveira

Fique por dentro